Alimentos que não devemos guardar na geladeira. Cuidado!

Alimentos que não podemos guardar na geladeira

Desde pequenos vemos nossas mães guardando todos os alimentos na geladeira, mas hoje diversos estudos mostram que há alimentos que não devemos guardar na geladeira. E claro que você também não deve guardar o celular na geladeira. Eu mesmo já achei o meu uma dúzia de vezes lá dentro.

Alimentos que não devemos por na geladeira

Batatas

alimentos que não podem guardar na geladeira

É um dos principais alimentos que não devemos guardar na geladeira. Sabe porque? Quando as colocamos as batatas na geladeira, se colocadas na geladeira da início a transformação do amido em açúcar, sem falar que altera o sabor e textura quando cozidas e ainda por cima começam a brotar. A batata brotada tem uma substância venenosa para humanos. O ideal é armazená-las em um saco de papel.

Tomate

alimentos que não podem guardar na geladeira

Confesso que esse é um dos alimentos que não pode ir para a geladeira que eu coloco. O tomate não se dá bem com o frio, mesmo durante a plantação, por isso não se dão bem na geladeira. Uma ótima forma de guardar os tomates é numa fruteira, de cabeça para baixo. Com essa dica você terá saladas e molhos mais saborosos.

Cebolas

alimentos que não podem guardar na geladeira

As cebolas quando guardadas na geladeira apodrecem mais rápido, por isso devem ser mantidas em um ambiente fresco, seco e escuro. Nunca as armazene junto com as batatas, que farão que apodreçam rapidamente também. Agora se você já a cortou, pode colocá-la na geladeira desde que esteja em um recipiente fechado.

Alho

alimentos que não podem guardar na geladeira

Se você mantiver o alho fora da geladeira ele durará muito mais! Geralmente na geladeira ele fica borrachudo, mofado ou até mesmo brota, perdendo seus princípios. Da mesma forma que a cebola, se você já o descascou, pode colocá-lo na geladeira, desde que armazenado em um recipiente fechado. Evite alho processado, apesar da praticidade, a quantidade de conservantes nesses potinhos é enorme.

Café

alimentos que não podem guardar na geladeira

Isso com certeza é coisa de vó! Minha avó guardava o café na geladeira também. Quando guardamos o café na geladeira ele perde o aroma, sem falar que impregna qualquer cheiro que estiver n geladeira nele. Você quer tomar um cafégourmet‘ com cheiro de abobrinha e sabor de chuchu? Acho que não.

Outros alimentos que não podem guardar devemos guardar na geladeira

Pão

alimentos que não podem guardar na geladeira

O pão é um dos alimentos que não devemos guardar na geladeira ou congelador que mais vejo na casa das pessoa. Isso o deixa muito ressecado, ainda mais se tiver que aquecê-lo no microondas. Agora, se você tem esse costume e precisa colocá-lo no microondas a melhor forma é aquecê-lo envolto em um pano de prato ou papel toalha e esquentar por apenas 20 segundos.

Óleo e Azeite

alimentos que não podem guardar na geladeira

Óleos e azeites na geladeira ficam com aspectos amanteigados e espessos, por isso a melhor forma de guardá-los é como os vinhos, deitados e em local escuro, com temperatura amena.

Banana, Manga, Kiwi e Pêssegos

alimentos que não podem guardar na geladeira

Quando essas frutas estão verdes a melhor forma de guardá-las é fora da geladeira, envoltas em plástico filme para que amadureçam rapidamente. Agora, quando amadurecerem, e caso não sejam consumidas logo o melhor mesmo é guardá-las na geladeira também envoltas no plástico.

Melancia e Melão

alimentos que não podem guardar na geladeira

Hum, nada como um bom suco de melancia ou melão frescos, né? Essas frutas são ricas em antioxidantes e ficar fora da geladeira mantém esses níveis bem altos. Agora se você já os cortou, o bom mesmo é guardá-los na geladeira envoltos em plástico filme.

Molho de Pimenta

alimentos que não podem guardar na geladeira

Os molhos de pimenta geralmente são feitas com azeite ou vinagre, o que o faz durar por volta de 3 anos sem estragar e ao colocá-los na geladeira eles perdem um pouco a capacidade de mantê-lo frescos, portanto a melhor forma de guardar o molho de pimenta é fora da geladeira, ok?

Com essas dicas de alimentos que não devemos guardar na geladeira. Aposto que você terá uma vida mais saudável e seus alimentos durarão muito mais!

Tipos de corte de carne para cada prato

Tipos de corte de carne

Você está morrendo de vontade de comer uma carne de panela, vai ao açougue e chegando lá vê toda aquelas opções de carne e se pergunta: Qual carne é bom para preparar isso? Sim, muitas gente fica perdida no açougue, sem saber quais tipos de corte de carne são bom para o que. Relaxa, vamos te ajudar!

Quais os tipos de corte de carne

tipos de corte de carne

1 – Músculo dianteiro é um dos cortes mais saudáveis do boi, é uma carne fibrosa e saborosa, pobre em gordura, mas rica em colágeno. Seu cozimento pede bastante calor e umidade.
Indicação: Sopas, caldos de carne e carne de panela.

2 – Peito possui uma gordura superficial que impede o ressecamento da carne durante o longo tempo de cozimento exigido.
Indicação: Caldos, sopas, refogados e cozidos em molho.

3 – Pescoço é continuação do peito que pode ser usada nos mesmos preparos. É um corte que requer cozimento longo.
Indicação: Caldos, sopas, refogados e cozidos em molho.

4 – Acém é o maior e mais macio dos cortes dianteiros do boi. É uma carne magra e requer bastante calor e umidade durante o cozimento.
Indicação: Ensopados, cozidos de panela e picadinhos.

5 – Cupim essa carne é fartamente entremeada de gordura e seu sabor é único e bem acentuado. Pede cozimento lento, preferencialmente enrolado em celofane culinário, para que se mantenham os sucos da carne.
Indicação: Assados e cozidos de panela.

tipos de corte de carne

6 – Paleta da pata dianteira do boi retiram-se três cortes, o peixinho, a raquete e o miolo de paleta. Uma carne menos nobres, porém suculenta e saborosa, mas que pedem cozimento lento e longo.
Indicação: Picadinhos e cozidos de panela.

7 – Capa de filé é uma carne saborosa e com médio grau de dureza. Com grande quantidade de nervos e camada de gordura grossa, por isso exige bastante tempo de cozimento.
Indicação: Carne moída, ensopados e picadinhos.

8 – Filé de costela é a carne que reveste a parte superior da caixa torácica do boi. Com ossos maiores e mais largos, é um corte saboroso que requer longo cozimento.
Indicação: Churrasco e assada no forno ou panela.

9 – Aba do filé também conhecida como bife do vazio.
Indicação: Carne moída.

10 – Ponta de agulha é a carne que reveste as últimas costelas do boi e pertence à categoria dos cortes com mais colágeno.
Indicação: Carne moída e churrasco.

Mais tipos de corte de carne

tipos de corte de carne

11 – Contrafilé também conhecido como entrecôte é uma peça grande de onde se origina a bisteca.
Indicação: Bifes, medalhões e rosbife, grelhado no fogão ou na churrasqueira. Deve ser servido mal passado ou ao ponto.

12 – Filé mignon é o mais macio dos cortes bovinos e tem sabor menos acentuado que a alcatra e contrafilé. A peça é um músculo liso e comprido, sem nervos, fibras ou gorduras.
Indicação: Bifes altos como o tournedor, medalhão, rosbifes, picadinhos, strogonoff, assados e refogados.

13 – Fraldinha localizada na lateral do boi, é uma peça pequena, mas muito suculenta e macia.
Indicação: Churrasco, espetinhos, cozidos de panela e strogonoff.

14 – Maminha é corte retirado da alcatra, famoso pela maciez, suculência e sabor suave.
Indicação: Assados na churrasqueira ou fogão e cozidos de panela.

15 – Alcatra junto com filé mignon, o contrafilé e a picanha, essa carne faz parte do quarteto nobre das carnes bovinas. É um corte magro e saboroso, do qual se originam outros cinco cortes: a picanha, a maminha, o miolo de alcatra ou baby beef, o tender steak e o top sirloin.
Indicação: Bifes, medalhão, rosbifes, picadinhos, strogonoff, assados e refogados.

tipos de corte de carne

16 – Picanha é um corte caracterizado pelo sabor acentuado e maciez, garantidos pela camada de gordura que reveste esse corte.
Indicação: Churrasco, cozidos e assados no forno ou panela.

17 – Patinho é uma carne magra, com fibras macias.
Indicação: Bife a milanesa, escalopes e carne moída, cozidos, ensopados e picadinhos.

18 – Coxão mole carne macia da face interna da coxa do boi.
Indicação: Assados, ensopados, picadinhos, escalopes, bife a milanesa ou para carne moída.

19 – Lagarto carne com com fibras longas e duras e gordura externa, é uma carne saborosa e versátil, mas pouco suculenta.
Indicação: Assados e cozidos, preferencialmente com molho.

20 – Coxão duro corte com fibras mais duras e necessita de cozimento mais longo.
Indicação: Carnes recheadas, cozidos de panela e rosbife, ou moído em refogados e molhos.

21 – Músculo traseiro é dessa peça que se extrai o osso buco, famoso corte redondo, com osso e tutano, que deve ser cozido lenta e longamente.
Indicação: Sopas e ensopados.

Aqui estão os 21 tipos de corte de carne e para o que eles servem, para não fazer feio na hora de preparar o jantar!

10 dicas para organizar geladeira

organizar a geladeira morar sozinho

Dicas para organizar geladeira

Organizar geladeira é tarefa fácil, mas muitas pessoas desconhecem os locais indicados para colocar cada alimento. Aprender o local de cada alimento é importante, pois isso ajuda em sua conservação. Ninguém quer encontrar uma geladeira com cheiro ruim, né?

Dicas para organizar geladeira de forma eficiente

1 – Leite

Leite azedo ninguém merece, por isso o local mais indicado é nas prateleiras de cima. As prateleiras de cima são geralmente as mais frias.

2 – Laticínios

Queijos, iogurtes, cremes de leite precisam ser bem resfriados, como o leite. Deve-se tomar muito cuidado com a data de validade desses alimentos, por isso é melhor empilhar as bandejas com validade mais próxima de vencer em cima, deixando as outras mais embaixo.

3 – Ovos

A melhor maneira de guardar os ovos na geladeira é na caixa original. A caixa de papelão é ideal para manter sua conservação máxima.
Outro ponto importante é que não devemos lavar os ovos antes de colocar na geladeira. Sua casca poroso pode absorver e armazenar água, fazendo com que estrague. O ideia mesmo é lavar antes do uso.
Ah, e guarde os ovos com a parte pontuda para baixo porque duram mais!

4 – Carne crua

Melhor lugar para as carnes cruas é o congelador. Para descongelar não a tire do congelador e deixe em cima da pia. A melhor forma de descongelar carne é mantendo-a na geladeira, na prateleira menos fria e descongelar aos poucos.
Mantenha a carne em um recipiente, para caso gotejar não se espalhe pela geladeira. Além de evitar o mau cheiro o sangue pode contaminar outros alimentos, desenvolvendo bactérias.

5 – Legumes e Verduras

O local mais indicado para guardar legumes e verduras é na gaveta de baixo. Esses alimentos necessitam de umidade e lá e o local perfeito para isso.
Mantenha os sacos levemente amarrados para que durem mais. Além disso não é indicado lavá-los antes do uso, evitando o acúmulo de água e desenvolvimento de bactérias.

6 – Frutas

As frutas devem ficar na gaveta de baixo, junto com os vegetais, em sacos plásticos levemente amarrados.
As frutas cítricas podem ficar fora do saco, mas também só devem ser lavadas antes do consumo. Essas frutas são sensíveis a deterioração por excesso de umidade.

7 – Embutidos

Embutidos e sobras de alimentos devem ficar nas prateleiras menos frias da geladeira, ou seja, as do meio. Esses alimentos levam muitos conservantes e sua deterioração é mais difícil.
Em hipótese alguma guarde-os nas portas, porque ali estragam facilmente.

8 – Manteigas

Guarde a manteiga em potes hermeticamente fechados e na gaveta de laticínios. Essa gaveta mantém a temperatura ideal desse alimento. Se não a tem, deixe-a nas prateleiras do meio e assim não fica rançosa.

 9 – Condimentos

A maioria dos condimentos são ricos em vinagre e sal, conservantes naturais. Ketchup, Mostarda, Maionese, azeitonas podem ser guardados na porta da geladeira.

10 – Sucos, refrigerantes e água

Sucos industrializados, refrigerantes e água conservam bem na porta da geladeira, portanto seu local ideal. Para os sucos naturais mantenha-os na prateleiras de cima, geralmente as mais frias.

Essas são as 10 dicas para organizar geladeira de forma eficiente!

Utensílios que não podem faltar em casa

Utensílios domésticos para não passar aperto

Para morar sozinho não adianta, é preciso ter tudo que se precisa na hora de cozinhar, por isso é importante ter os utensílios domésticos porque na hora de preparar o jantar, se falta alguma coisa é quase o fim do mundo! Imagina ficar com fome porque não tinha os utensílios para preparar?

Não precisa comprar milhares de utensílios, com o tempo você sentirá a falta de algum e é só correr até a loja e comprar, mas não custa se preparar com alguns utensílios básicos, como:

Utensílios domésticos básicos para casa

Panelas

O mais essencial dos utensílios domésticos!
Não precisamos de dezenas de panelas, mas a quantidade e dimensões para se preparar um jantar. No mercado há inúmeros conjuntos de panelas, mas se preferir por comprá-las avulsas. Vale ressaltar que uma leiteira também é importante, ainda mais se você não tem microondas ainda.
Coloque na lista o escorredor de macarrão também. Alguns conjuntos vem com esse utensílios encaixado com uma panela, o que agiliza e poupa espaço no armário.

Tábua de Carne

Ter utensílios facilitam as coisas, como a tábua de carne que serve para apoiar os alimentos na hora de cortar, além de organizar tudo para cozinhar.
Dê sempre preferência por tábuas de vidro, que dificultam a proliferação de bactérias. As antigas tábuas de madeira e plástico, com o tempo e forma sulcos pelos cortes contínuos, e nessas aberturas com um pouco de restos de alimentos as bactérias proliferam.

Formas de Bolo

Pintou aquela vontade de comer bolo. Você até tem aquela massa pronta, mas lembra que falta um utensílios primordial: a forma!
Você pode comprar aquela forma de tamanho médio, que dá para assar quase tudo. Se quiser subir de nível e ganhar XP nesse jogo chamado vida, compre de diversos tamanhos, inclusive uma forma de aro removível para tortas. Depois que comprei uma forma dessas vivo fazendo torta e elas não se quebram mais na hora de tirar da forma.

Talheres e afins

Essencial para qualquer cozinha são os talheres, que não precisam ser talheres de prata. Aqueles de lojas de 1,99 já estão de bom tamanho e dá para comer do mesmo jeito.
Não pode esquecer de uma boa faca para cortar e picar os alimentos. Mantenha a faca com o corte bem afiado para não acabar com a comida na hora de cortar.
Colher de pau é sempre importante, ainda mais quando precisa cozinhar algo. Por serem mais longas, evitam queimaduras e pelos dos braços queimados. Vai por mim, já fiz muita depilação por conta do fogão.

A escumadeira é usada para as frituras. Nada mais prático que ela para retirar os alimentos do óleo quente e não encharcar de óleo. Não esqueça o papel toalha também nessa hora.
Concha de feijão: Precisa explicar ou ainda prefere pegar o feijão com uma colher?
Descascador de legumes é bom porque agiliza no preparo dos alimentos e evita que tiremos muito mais que a casca dos legumes.

Martelo de Carne

Tá sem grana para comprar filet mignon, macio e saboroso e tem só grana para carne de segunda? Pegue um martela de carne, apoie na tábua e comece a martelar. Martelar a carne ajuda a quebrar as vibras de carnes mais duras o que a deixa mais macia e saborosa.

Peneira

Ah, uma chá no fim da tarde é uma delícia, mas OPA, você não tem nenhuma peneira para fazer aquele mate?
Não apenas para chá, mas para uma infinidade de coisas, como preparar bolo. Na hora de colocar a farinha e misturar tudo nada melhor que peneirar. Isso evita bolas de farinha que não assam, além de deixar o bolo mais leve.

Ralador

Seja para ralar salada ou um queijo parmesão, o ralador é muito útil na cozinha. Sabe aquela sala de cenoura simples mas deliciosa? Super fácil de preparar com um ralador. Ainda dá para ralar um bom queijo por cima da massa, na hora. Isso faz toda a diferença.

Essa é uma lista de utensílios domésticos para morar sozinho que não podem faltar, mas você pode complementar conforme a sua necessidade diária.

Quais utensílios você acredita que não podem faltar numa casa?

Aprenda qual o tipo de batata certa para cada prato

Tipo de batata: Qual usar?

Já falamos sobre os tipos de corte de carne para cada prato e hoje falaremos sobre um tubérculo muito usado na culinário mundial, a batata.

Pode parecer estranho mas há muitos tipo de batata e cada uma delas é boa para determinado preparo. Não sabia? Eu aprendi a duras penas quando preparei um nhoque. Usei uma batata que não era indicada e ficou bem estranho. Como estava com fome, comi, mas acho que meus convidados do almoço não curtiram muito.

Para não errar como eu errei na hora do preparar algum prato é preciso saber qual tipo de batata combina melhor com a receita que preparará.

O que não falta é variedade já que no mundo existem cerca de 5 mil tipo de batata registradas, sendo que 3 mil delas só na América Latina e cerca de 400 são usadas na culinária.

Qual tipo de batata usar?

Batata Asterix

tipo de batata asterix

Ela é fácil de reconhecer na feira, por conta de sua chamativa casca avermelhada. Excelente para preparar nhoques, bolinhos e purês, ela também fica boa frita.

Batata Baraka

tipo de batata baraka

Vendidas nas feiras às vezes ainda sujas de terra, as batatas baraka são de origem holandesa. São ótimas para fritar por conterem menos água (a “culpada” por deixar as fritas murchas). Também ficam boas cozidas.

Batata Ágata

tipo de batata ágata

É uma das mais encontradas em supermercados. Com pouco amido, ela é boa para assar e servir em sopas e saladas, mas não fica bem frita.

Batata Doce

tipo de batata doce

Roxas ou brancas, as batatas doce são multiuso: ficam bem fritas, assadas ou cozidas. Perfeitas para quem curte musculação!

Batata Bolinha

tipo de batata bolinha

Ótimas para fazer conservas, ou ainda assadas ou cozidas como acompanhamento, as batatas bolinha nada mais são do que versões pequenas das batatas Asterix ou Ágata. Perfeita até para servir junto com fondue!

Agora ficou fácil cozinhar sabendo qual tipo de batata usar, hein?

Receita de Tapenade

Receita de Tapenade morar sozinho

Receita de Tapenade super fácil

O que é tapenade? Tapenade é um prato típico francês, da região de Provença e nada mais é do que um patê simples e fácil de fazer.

O tapenade é composto por uma mistura de azeitona, de preferência preta, alcaparra e anchovas, tudo muito bem picado em pequenos pedacinhos ou amassado com azeite de oliva.

Geralmente servido com pães ou torradas, como entrada ou até mesmo como petiscos em uma reunião com amigos na sua casa. Em picnics a receita de tapenade também é muito bem-vinda.

Além disso pode ser servida com macarrão, salada, já que é uma receita de tapenade bem versátil.

Receita de Tapenade incrível

Ingredientes
– 1 pires de azeitonas verdes picadas
– 1 pires de azeitonas pretas picadas
– 1/2 pires de alcaparras picadas
– 2 colheres de sopa de azeite
– 1 colher de sopa de mostarda
– 1 latinha de anchovas em conserva (escorridas)
– 2 dentes de alho amassados
– Salsinha, cebolinha e pimenta calabresa a gosto

Modo de Preparo
Pique ou amasse todos os ingredientes. Misture-os todos em uma tigela de vidro com tampa. Deixe gelar por 1h na geladeira. Sirva com pães ou torradas.

tapenade black mirror episódio morar sozinho

Para quem gosta de Black Mirror deve ter prestado atenção no episódio Queda Livre. A personagem Lacey prepara uma receita de tapenade para chamar a atenção das pessoas nas redes sociais.

Em um mundo onde as pessoas são categorizadas pela popularidade nas redes sociais, Lacey faz de tudo para ficar famosa. Entre sorrisos e likes a personagem passa por poucas e boas.

Esse foi um dos episódios que mais curti da série, até porque vejo diariamente muita gente fazendo de tudo para entrar no mundo da Alta [?] Social Media, como influenciador de qualquer coisa que seja.

Deguste com qualquer bebida alcóolica, porque vai com tudo! Eu particularmente prefiro algo mais leve, bem para entrada mesmo.

Receita de pasta de iogurte grego e limão

pasta de iogurte grego e limão

Pasta de iogurte grego e limão

Pasta de iogurte grego e limão é uma opção deliciosa para receber os amigos em casa, sem falar que com certeza irá impressioná-los mostrando seus dotes culinários. Mal sabem eles que essa receita de pasta de iogurte grego e limão é a coisa mais fácil de fazer. Um petisco leve, gostoso e prático!

Para acompanhar nossa pasta de iogurte grego e limão nada melhor que um pão árabe e não apenas ele, mas palitinhos de pepino, tomate cortado em cruz ou até mesmo cebola. Com esses acompanhamentos o sucesso é certo!

Que tal aproveitar que hoje é sexta-feira e chamar os amigos para uma festinha na sua casa?

Confira a receita de pasta de iogurte grego e limão.

Receita Pasta de iogurte grego e limão

pasta de iogurte grego e limão

Ingredientes:
2 xícaras de iogurte grego tradicional
4 dentes de alho, descascados e picados
1 pepino grande, sem sementes e picado ou ralado em fatias finas
1 colher de sopa de salsinha [Não confunda salsinha com coentro]
1-2 colheres de sopa de suco de limão fresco (não precisa ser limão siciliano)
1 colher de sopa de azeite
1/2 colher de chá de sal
1/4 colher de chá de pimenta do reino

Modo de Preparo:
Misture todos os ingredientes até ficar uniforme. Prove e acrescente um pouco de tempero, se achar necessário.
Sirva imediatamente. Ou guarde na geladeira em um pote selado por até 2 dias.

Uma ótima opção para o verão que se aproxima. Por ser uma receita leve e fresca, é perfeita para uma tarde de Sol com os amigos ou até mesmo uma noite de comes e bebes em casa. O importante é comer bem e se divertir com os amigos.

Esse tipo de petisco não tem muita restrição quanto a qual bebida servir, já que vai com tudo, então deixe sua imaginação voar e se preocupe apenas em receber bem seus amigos na sua casa.

Imagens: Casa e Cozinha

Como medir sem medidor os ingredientes?

medir sem medidor

Medir sem Medidor: Tudo que você precisa saber

Eu adoro cozinhar mas nem sempre temos todos os utensílios necessários para preparar aquele receita que vimos na internet. Preparar só no olho é o início de uma receita que desandou, por isso vamos ensinar a medir sem medidor os ingredientes e é para isso que o Morar Sozinho está aqui, para facilitar sua vida.

Medir sem Medidor de Ingredientes

medir sem medidor

5 ml / g
1 colher de chá ou
⅓ de colher de sopa

15 ml / g
3 colheres de chá ou
1 colher de sopa

100 ml / g
Meio copo americano

240 ml / g
16 colheres de sopa ou
1 xícara de chá

1000 ml (1 litro)
4 copos ou
6 xícaras de chá

1 pitada
⅛ de colher ou
o tanto que se pode segurar entre dois dedos

1 punhado
O tanto que se pode pegar com as pontas dos cinco dedos juntos

Claro que essas medidas são aproximadas, já que cada ingrediente tem um peso e a quantidade varia conforme a massa de cada um, mas é muito bom para ter uma base e não errar muito.

Medir sem Medidor: Mililitros (ml)

medir sem medidor

5 ml 1 colher de chá
15 ml 1 colher de sopa
50 ml 1 xícara de café espresso
60 ml 1/4 xícara de chá
70 ml 1/3 xícara de chá
125 ml 1/2 xícara de chá
150 ml 2/3 xícara de chá
175 ml 3/4 xícara de chá
250 ml 1 xícara de chá
250 ml 1 copo americano

 

Sendo assim é bem mais fácil calcular um litro. Por exemplo, 1000 ml, ficando 4 x 250 ml, ou 4 copos americanos, mas para facilitar veja uma super tabela com os valores de medidas maiores:

Medir sem medidor: Litros (l)

½ litro / 500 ml 2 xícaras de chá ou 2 copos americanos
1 litro / 1000 ml 4 xícaras de chá ou 4 copos americanos
1,5 litros / 1500 ml 6 xícaras de chá ou 6 copos americanos
2 litros / 2000 ml 8 xícaras de chá ou 8 copos americanos

Medir sem Medidor: Pesos e Gramas (g)

medir sem medidor

10 g1 colher de chá

Achocolatado 90 g 1 xícara
6 g 1 colher de sopa
2 g 1 colher de chá
Açúcar 160 g 1 xícara
10 g 1 colher de sopa
3,5 g 1 colher de chá
Amêndoas / Nozes /Castanhas 140 g 1 xícara
Amido de Milho 150 g 1 xícara
9 g 1 colher de sopa
3 g 1 colher de chá
Arroz 200 g 1 xícara
Aveia 80 g 1 xícara
5 g 1 colher de sopa
1,5 g 1 colher de chá
Coco Ralado 80 g 1 xícara
5 g 1 colher de sopa
1,5 g 1 colher de chá
Farinha de Mandioca 150 g 1 xícara
9 g 1 colher de sopa
3 g 1 colher de chá
Farinha de Trigo 120 g 1 xícara
7,5 g 1 colher de sopa
2,5 g 1 colher de chá
Farinha de Rosca 80 g 1 xícara
5 g 1 colher de sopa
1,5 g 1 colher de chá
Fermento químico (pó)
Fubá 120 g 1 xícara 7,5 g 1 colher de sopa 2,5 g 1 colher de chá Manteiga / Margarina 200 g 1 xícara 12 g 1 colher de sopa 4 g 1 colher de chá Mel 300 g 1 xícara 18 g 1 colher de sopa 6 g 1 colher de chá Polvilho 150 g 1 xícara 9 g 1 colher de sopa 3 g 1 colher de chá Queijo Ralado 80 g 1 xícara 5 g 1 colher de sopa 1,5 g 1 colher de chá

Medir sem Medidor: Medidas Americanas

medir sem medidor

Você até manja dos paranauês de inglês, mas quando vai tentar fazer uma receita americana se depara com umas medidas bem loucas e se desespera.

Não se desespere, você não é burro! Os americanos usam medidas bem diferentes do resto do mundo, mas como estamos aqui para facilitar sua vida, seguem as conversões:

1 tsp (teaspoon) 5 ml 1 colher de chá
1 tbsp (tablespoon) 15 ml 1 colher de sopa
1 ounce (onça líquida) 28,34 gramas aprox. 2 colheres de sopa
1 cup 225 ml 1 copo americano ou 1 xícara de chá
4 cups 1 litro aprox. 4,5 copos americanos ou xícaras de chá
1 galão (gallon) 4 litros aprox. 17,8 copos americanos ou xícaras de chá

 

Ah, e na hora de colocar no forno, 350ºF (Fahrenheit) é o nosso famoso 180ºC (Celsius), a temperatura que geralmente usa-se para assar bolos no forno, por exemplo.

Esperamos que esse conversor de medidas, para medir sem medidor, seja útil para você se tornar um verdadeiro chef de cozinha.

Panela de pressão: Aprenda a usá-la sem medo

panela de pressão morar sozinho

Panela de Pressão: Como preparar pratos perfeitos

10 em cada 10 pessoas que vão morar sozinhas têm medo de usar a panela de pressão assim que se mudam.

Apesar do medo que muitos têm em usar a panela de pressão, ela realmente agiliza o cozimento dos alimentos, preserva vitaminas e minerais em comparação com outros métodos de cozimento e deixam o alimento mais macio. Perfeito para sopas e caldos no inverno.

Dicas de uso: Panela de Pressão

  • Tome cuidado na hora de encher a panela. Nunca preencha com mais de 2/3 da panela, porque além de não cozinhar bem os alimentos, pode atrapalhar a válvula de escape de pressão e dar ruim.
  • Colocar um garfo ou a panela embaixo da água para o vapor sair são técnicas perigosas! Espere sempre o vapor sair naturalmente da panela.
  • Nunca abra a panela sem o vapor ter saído completamente, do contrário você corre sério perigo do líquido quente espirrar em você.
  • Ao menor sinal de escape de vapor pelas laterais da panela, troque a borracha interna.
  • Quer preparar um alimento que está congelado? Basta colocá-lo na panela de pressão para cozinhar. A panela é capaz de fazer o descongelamento e cocção ao mesmo tempo.
  • Vai cozinhar feijão ou grão de bico? Deixe-os de molho de um dia para o outro. Jogue água quente e pronto! Isso acelerará o cozimento na hora de colocar na pressão.
  • Quando a panela de pressão começar a chiar, pode baixar o fogo. Ao contrário do que muitos pensam, o fogo alto não acelera o cozimento, já que a água permanece na mesma temperatura a partir daí.
  • Quer fazer arroz integral na panela de pressão? Simples, basta usar a proporção de 2 xícaras de água para cada medida de arroz.
  • Para uma carne de panela macia e saborosa nunca cubra o alimento de água, deixe na metade apenas.
  • A panela ficou velha e não pega mais pressão? Transforme-a em uma panela comum, levando para cortar em lojas de panelas, muitas delas realizam esse serviço.

E que venham cada vez mais pratos saborosos feitos com a panela de pressão.

Culinária com Alma: site reúne receitas com cerveja

culinária com alma receita com cerveja

Culinária com Alma: como usar cerveja na receita

Quem nunca quis preparar receita com cerveja que atire a primeira tampinha! Pensando nisso a Cervejaria Schornstein lançou em comemoração a seus 10 anos de atividade o site Culinária com Alma.

O site reúne 76 receitas com cervejas, aproximando a gastronomia e da cerveja com sugestões de pratos que utilizam cerveja em suas receitas ou que harmonizam com elas. Delícia, né?

O objetivo do Culinária com Alma é centralizar receitas e dar opções fáceis para definir um cardápio dos campeões. ‘Se você tem uma Schornstein IPA em casa, por exemplo, pode clicar nesta garrafa para saber o que harmoniza com ela ou o que pode preparar‘, comenta Adilson Altrão, diretor da Schornstein.

É possível filtrar as receitas por estilo de cerveja, então fica mais fácil achar a receita certa para aquela que você tem em casa. Sem dificuldade nenhuma é possível comer bem unindo gastronomia e a bebida mais amada do Brasil.

Culinária com Alma reúne 40 receitas que incluem rótulos Pilsen, Weiss, IPA, Bock e Stout. Reúne ainda mais 36 receitas que podem ser harmonizadas com cerveja. O número tende a subir ainda mais!

culinária com alma receita com cerveja

Para quem não conhece a Schornstein, é uma das mais antigas cervejarias artesanais do Brasil. Surgiu em 2006 na cidade quase alemã brasileira de Pomerode, em Santa Catarina. Com uma capacidade de 300 mil litros por mês, produz cervejas nos estilos: India Pale Ale, Bock, Weiss, Pilsen Natural, Pilsen Cristal, Stout e Witbier.

Um brinde a esse site!

[Imagem em destaque: Anéis de Cebola com Pilsen] Via: Melz

Como planejar um cardápio para morar sozinho

Como planejar um cardápio?

Já demos diversas dicas sobre cozinha e economia no lar, chegou a hora de unir as duas coisas, aprender a como planejar um cardápio para casa. O cardápio pode ser semanal, quinzenal ou mensal, a escolha é sua, conforme sua necessidade.

A primeira coisa a se pensar em como planejar um cardápio é quais dias da semana você comerá em casa, se comerá no trabalho, se levará marmita ou almoçará em casa. Isso tem uma relação direta com quais e quanto comprar de cada item.

Como planejar um cardápio incrível:

Café da Manhã

como planejar um cardápio para quem mora sozinho

A refeição mais importante do dia é o café da manhã, já que passamos horas e horas dormindo em jejum, por isso, para aguentar o corre corre do dia é essencial uma boa alimentação logo após acordar. Não importa se é em casa ou na padaria [mania paulistana]

Bebida quente ou fria
1 copo de café, leite, chá, vitaminas e sucos.
Carboidrato
pães, bolos, bolachas [não é biscoito], cereais, wraps, panquecas.
Proteína
Manteiga ou margarina, ovos, queijos, presuntos ou geleias.
É interessante também o consumo de frutas ao longo do dia.

Lanche da Manhã ou da tarde

como planejar um cardápio para quem mora sozinho

Não é todo local de trabalho que pode fazer uma pausa durante o período de expediente, portanto se você for um dos azarados, leve frutas cortadas ou secas em um pote ou até mesmo barras de cereais.
Pode se completar com oleaginosas e sementes [nozes, castanhas, amêndoas, amendoim, avelãs, gergelim, linhaça] ou iogurtes.

Almoço e Jantar

como planejar um cardápio para quem mora sozinho

Se além de aprender como planejar um cardápio você puder levar uma vida mais saudável, siga o ditado: ‘Tome um café da manhã de rei, um almoço de príncipe e um jantar de plebeu‘. A noite controle as quantidades e evite comer muitos carboidratos e dê preferência para as proteínas.

A proteína garante a saciedade por um tempo maior, por isso o consumo pode ser menor. Para as meninas a dica é: proteína ajuda a diminuir a celulite!

Proteína
Há uma quantidade enorme de proteínas para escolher: carne de boi, aves em geral [frango, peru, codorna, entre outras], carne de porco, peixes e ovos.
Escolha um dos tipos de proteínas acima. A quantidade varia bastante, mas a média de cálculo é de 200g/pessoa.

Carboidrato
Os carboidratos são importantes para a alimentação, são eles que nos fornecem energia para o dia a dia.
Nós brasileiros temos o costume de comer arroz e feijão, seria algo como nosso prato trivial, porém muito complexo.  Dê preferência para essa escolha durante o almoço e evite um pouco no período noturno.
Escolha um ou dois desse grupo alimentar: arroz, feijão, massas [macarrão, lasanha, nhoque, sopas, purês e etc].

Vegetais
Você é daqueles que não come vegetais? É melhor mudar um pouco isso já que são eles que nos complementam as vitaminas e sais minerais. Se quer aprender como planejar um cardápio, precisa aprender também a comer com saúde.

Verduras: São as folhagens: alface, rúcula, espinafre, brócolis, almeirão, agrião, acelga, mostarda, endívia, escarola, repolho, couve, couve flor, alcachofra, entre outras.

Legumes e hostaliças: São os tubérculos: batata, batata doce, mandioca, mandioquinha, cenoura, cará, chuchu, abobrinha, berinjela, pepino, beterraba, abóbora, cebola, pimentão, tomate, entre outros.

A melhor forma de comprar carne é calcular o quanto irá comer de cada uma durante o período que escolheu de como planejar um cardápio. Exemplo: Comerei carne bovina 3 dias da semana, contando almoço e jantar, então o cálculo fica da seguinte forma: 3 dias x 2 refeições x 200g = 1,2 kg. Faça a mesma coisa com as outras proteínas que desejar comer e seu cálculo estará completo.

Não sabe qual carne comprar? Aprenda quais os tipos de corte de carne para cada prato.

O cálculo do arroz é um pouco diferente já que ele cozido rende bastante. Uma xícara de arroz cru pesa cerca de 140g, e ele cozido dá cerca de 3 xícaras. Uma xícara de arroz rende pelo menos 2 refeições! Isso que é rendimento, hein?

Infográfico: Como planejar um cardápio?

como planejar um cardápio

Como pode notar, o cardápio de alguns dias foram repetidos conforme o jantar do dia anterior, porque muitas vezes há sobras ou o alimento pode estragar se guardado na geladeira por muito tempo, então reaproveitamos alguns itens. Esse tipo de atitude ajuda na hora de economizar e não desperdiçar comida.

Como planejar um cardápio? Com essas dicas será fácil! Bon appetit!

Horta em casa: Tudo o que você precisa saber!

horta em casa

Horta em Casa: Dicas e Truques

Ter uma horta em casa é maravilhoso, além de ajudar a acabar com o estresse, deixar a casa mais cheirosa e, além disso, nos estimular a comer mais vegetais e hortaliças livres de agrotóxicos, agregando muito à nossa saúde.

Horta em casa não é exclusividade de quem mora em casas grandes, com um pequeno espaço já dá para começar a plantar seus próprios vegetais, hortaliças e temperos e economizar um pouco ao fim do mês.

Faça sua Horta em Casa:

Truques de cozinha que todo mundo deveria saber

truques de cozinha morar sozinho

Truques de cozinha

Vez ou outra passamos por apuros na hora de cozinhar, quer seja por descuido ou falta de conhecimento mesmo, então é sempre bom se preparar para tudo que pode acontecer para não acabar com seu jantar e ter que pedir pizza, né? Então vamos aprender alguns truques de cozinha?

Confira algumas dicas de cozinha simples que te farão muito feliz!

Truques de cozinha: Descubra os segredos

truques de cozinha morar sozinho

Afiar a faca sem amolador

Quantas vezes a faca teimou em perder o fio justamente quando você vai cortar algum alimento e não tinha um amolador a mão para salvar seu dia? Se isso acontecer pegue uma caixa de fósforo  e afie a lâmina da faca na mesma faixa onde se risca o fósforo. Faca cega nunca mais com esse truques de cozinha.

Como saber se o ovo está fresco

Abrir um ovo podre ninguém merece! O cheiro é horrível. Pior ainda quando você joga ele junto com os outros na hora de bater um bolo, então para evitar isso, coloque o ovo em um copo com água, se ele afundar está fresco, se ela boiar pode dispensar que está podre.

Sanduíches sempre frescos

O sanduíche é o melhor amigo quando se vai morar sozinho, né? Se for um sanduíche de mortadela, então. Quantas e quantas vezes não chegamos cansados e, ao invés de preparar o jantar por causa do cansaço e preguiça preparamos um lanche? E as vezes é bom otimizar e preparar vários, mas para deixá-los sempre frescos coloque algumas folhas de alface sobre um papel alumínio, coloque o sanduíche por cima e embrulhe. Depois só guardar na geladeira.

Engrossar o caldo do feijão

Se você como eu adora o caldo do feijão mais grosso mas nunca consegue esse efeito encorpado, retire uma concha do feijão já cozido e coloque em um prato. Amasse os feijões, devolva tudo para a panela e deixe ferver mais um pouco. Pronto, caldo de feijão grossinho para seu almoço.

Evitar ressecamento da carne assada

Se você sempre reclama que a carne após assar fica ressecada, é melhor rever os temperos que utilizada para temperar. O limão e o vinagre por exemplo a deixam muito mais ressecada e se quer uma opção que não resseque, tente utilizar laranja ou abacaxi. O sabor ficará espetacular e a carne bem suculenta.

truques de cozinha morar sozinho

 Manteiga gelada

Quem nunca pegou a manteiga da geladeira e teve que lutar com ela para passar no pão? Amo manteiga, mas depois que aprendi essa técnica, passei a amar muito mais! Para agilizar o processo de amolecimento da manteiga, aqueça um prato com água quente e cubra a manteiga com ele. Isso formará uma estufa e a manteiga estará pronta para usar em pouquíssimos minutos.

Peixe sem grudar na assadeira

Peixe assado além de uma delícia é muito saudável mas as vezes ele gruda na assadeira e não sai nem por decreto! A maneira mais prática e deliciosa de preparar é untando a forma com manteiga, colocando fatias de batata por cima e só depois o peixe. A batata formará uma cama para o peixe e de quebra ainda tem batatas saborosas para o jantar.

Sorvete sempre macio

Não só a manteiga fica muito dura, mas até o sorvete perde a maciez após aberto. A melhor maneira de deixá-lo sempre macio é guardá-lo dentro de um saco plástico, que o protegerá do acúmulo de gelo dentro do pote.

Cortar frutas secas

Algumas frutas secas ao cortar ficam grudadas na faca, né? Um dos melhores truques de cozinha nesse caso é aquecer a faca ou tesoura na água quente antes de picá-las. Isso fará com que não grudem no utensílio doméstico.

Limpar milho verde

truques de cozinha morar sozinho

Quer limpar os fios de milho da espiga de forma rápida? Basta usar uma escova de dente no processo de limpeza. A escova de dente faz com que os fios não quebrem tanto e saem muito mais fácil.

Descongelar carne vermelha rapidamente

Esqueceu de descongelar a carne e não tem nem um ovo para o jantar? Calma que tudo tem jeito! Retire a carne da bandeja e coloque em um refratário, adicione um pouco de vinagre e aguarde uns minutos. O vinagre aumentará a temperatura da carne. Depois só terminar de descongelar a carne no microondas ou com água.

Bacon no microondas

Para preparar um bacon saboroso, sequinho e com pouca gordura nada melhor que o microondas! Forre um prato com algumas folhas de papel toalha e coloque o bacon em tirinhas por cima. Coloque mais folhas de papel toalha por cima e leve ao microondas em potência alta por 1 minuto. Bacon delicioso, sequinho, sem gordura e rápido!

Sempre é bom saber alguns truques de cozinha para as horas do aperto. Você sabe de algum? Deixe nos comentários e divida seu conhecimento com todos!

Armazenar alimentos: Tudo que você deve saber!

armazenar alimentos

Armazenar alimentos: Como fazer certo?

Armazenar os alimentos é um fator crucial se você quer evitar o desperdício e assim economizar grana para chegar ao fim do mês com alguma coisa na conta.

Quem nunca abriu a geladeira e se deparou com diversas sobras de comida, esquecidas e se perguntou se era seguro comê-las? Eu por diversas vezes me deparei com isso e, na dúvida, joguei fora. Até que passei a colocar em prática diversas formas de reaproveitar comida e sobras de forma segura.

Você sabe o que é resto e precisa ser dispensado? Qualquer alimento que foi exposto a qualquer tipo de contaminação por bactérias, fungos ou agentes físicos e químicos e por isso não deve ser reaproveitado. As carnes do churrasco, por exemplo, que passaram o dia a temperatura ambiente devem ser descartadas.

Já a sobra daquele almoço esperto, desde que bem armazenado, pode e deve ser reaproveitado sempre que possível.

Dicas para armazenar alimentos

Armazenamento

No dia a dia é normal cozinhar alimentos já pensando em reaproveitar nos dias seguintes, mas ára isso é importante aprender a armazenar os alimentos de forma correta.
A primeira coisa a se pensar é na higienização dos potes para guardar a comida, na separação dos alimentos e também manter os potes de alimentos bem fechados no freezer o geladeira.
Particularmente prefiro potes de vidro, que não pegam cheiro e ainda dá para ver o que tem dentro sem erro.

Organizar a geladeira

Organizar a geladeira é importante, já que muitas esquecemos do alimento guardado, já que tem um monte de coisa lá dentro, né? Isso quando não tem só água e cebola no fim do mês.
Uma ótima forma de organizar é manter as prateleiras superiores para alimentos que estão prontos para o consumo. Assim a vista fica muito mais fácil de vê-los e não cair no esquecimento. As prateleiras do meio reserve para alimentos pré-prontos e as de baixo para alimentos crus.

Etiquete tudo

Achou um pote com alimento na geladeira e nem lembra quando o preparou? Etiquete o pote com a data de preparo. Assim você sabe exatamente quantos dias se passaram e não come nada estragado.

Viu como não apenas armazenar alimentos bem é importante para o desperdício? Além disso uma geladeira organizada e etiquetas com data de preparo ajudam muito, né?